deirdre @ 12:44

Qua, 02/04/08

Ontem quando cheguei a casa, lá veio o meu P. abrir-me o portão como faz todos os dias, um gesto a que me habituou e do qual nunca me vou fartar. Um dos muitos pormenores que transformam as aparentes banalidades em momentos da vida dos quais nunca nos vamos esquecer.

 Em geito de bincadeira disse: " Seja bem vinda!"

Depois disse: " Pára!" Fechou os olhos. " Escuta!"

Fiz o mesmo.

Ouvia-se uma sinfonia de grilos. O anoitecer estava ameno. O céu estrelado.

" Cheira a Verão!" disse o meu P.

 


sinto-me: Feliz...

Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
15
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO